fbpx

Coaching para Auditor Fiscal do Trabalho

Coaching para Auditor Fiscal do Trabalho

Descubra agora as vantagens de contratar um programa coaching para Auditor Fiscal do Trabalho e acelere a sua aprovação!

Ser um Auditor Fiscal do Trabalho é o desejo de muitos aspirantes a um cargo público. O grande atrativo do cargo é a remuneração, que fica na casa dos 20 mil reais por mês, chegando a 30 mil no topo da carreira. E, além disso, para ser Auditor Fiscal do Trabalho não é necessário um curso superior específico, o candidato pode ter graduação em qualquer curso.

Por ser uma carreira típica do estado, que dá direito à estabilidade, além de ofertar uma boa remuneração, o concurso AFT é um dos mais disputados da área e, por consequência, um dos mais difíceis de passar.

O concurso AFT exige do concurseiro habilidade em diversas disciplinas, cobrando um grande volume de conteúdo. E esse é um dos motivos cruciais para contratar um programa coaching para Auditor Fiscal do Trabalho, pois o coach vai organizar todo o conteúdo e, com isso, otimizar os seus estudos.

Atribuições do Auditor Fiscal do Trabalho

A Auditor Fiscal do Trabalho é lotado na Subsecretaria de Inspeção do Trabalho (SIT).  Segundo o site da SIT, as atribuições do cargo são assegurar no território nacional:

  • O cumprimento de disposições legais e regulamentares, inclusive as relacionadas à segurança e à medicina do trabalho, no âmbito das relações de trabalho e de emprego;
  • A verificação dos registros em Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), visando-se à redução dos índices de informalidade;
  • A verificação do recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), objetivando maximizar os índices de arrecadação;
  • O cumprimento de acordos, convenções e contratos coletivos de trabalho celebrados entre empregados e empregadores; ao respeito aos acordos, tratados e convenções internacionais dos quais o Brasil é signatário;
  • Embargo de obra e interdição de setor de serviço e estabelecimento, quando verificado risco grave e iminente à saúde e segurança do trabalhador;
  • O combate às formas contemporâneas de trabalho escravo;
  • Combate ao trabalho infantil;
  • Promoção da inserção de pessoas com deficiência no mercado de trabalho.

Concursos para Auditor Fiscal do Trabalho

O volume de certames para AFT não é muito grande, levando em consideração que o último concurso ocorreu em 2013. São oito anos sem uma seleção pública para o cargo.

Quase uma década sem concurso, o quadro de auditores fiscais do trabalho permanece em déficit, prejudicando o andamento do órgão competente de fiscalização trabalhista. Por conta disso, Integrantes e convidados da Comissão Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo (Conatrae) fizeram uma reunião no dia 1º de dezembro de 2019 e formaram uma comissão que foi ao Ministério da Economia tratar da realização do concurso AFT.

Para o ano de 2021, foi solicitado ao Ministério da Economia o aval para o preenchimento de 1.524 vagas de auditor-fiscal do trabalho.

Até o momento, o órgão continua aguardando liberação do Ministério da Economia.

De acordo com o Painel Estatístico de Pessoal (PEP), o Ministério da Economia, órgão que a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho é vinculada, possui 6.379 auditores-fiscais, conforme tabela abaixo:

Auditores em exercício2.074
Auditores aposentados3.190
Auditores inativos1.115
TOTAL6.379

Apenas 2.074 auditores ficais do trabalho estão em exercício, 40,4% deles concentram-se na região Centro-Oeste do país, enquanto que as regiões Norte e Nordeste têm pouco mais de 25% dos servidores.

É inegável a urgência de um novo concurso para Auditor Discal do Trabalho. Pelas movimentações, talvez a autorização seja dada ainda este ano. Portanto, é preciso estar preparado para o certame. Não perca tempo e contrate um coaching para Auditor Fiscal do Trabalho!

A Equipe Método 4.2 destacou para você as disciplinas cobradas no último edital. As disciplinas cobradas na prova objetiva no último concurso foram as seguintes:

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico;
  • Direitos Humanos;
  • Administração Geral e Pública;
  • Noções de Informática;
  • Direito Constitucional;
  • Direito Administrativo;
  • Auditoria;
  • Economia do Trabalho;
  • Direito do Trabalho;
  • Seguridade Social;
  • Legislação Previdenciária;
  • Segurança e Saúde no Trabalho;
  • Legislação do Trabalho;
  • Contabilidade Geral.

O concurso AFT ocorreu em 3 etapas:

  • Prova objetiva;
  • Prova discursiva;
  • Sindicância de vida pregressa.

Com um volume muito grande de disciplina o estudante precisa de organização na hora dos estudos.  Por isso, ter um método de estudo é de crucial importância no seu processo de aprovação. E não pode ser qualquer técnica aleatória, o método precisa otimizar o seu tempo para que você possa ter um estudo de qualidade.

O coaching para auditor fiscal do trabalho vai orientar você em como estudar e por onde estudar. A ideia é fazer o coachee estudar do modo certo e com qualidade. Por exemplo, você pode estudar tanto por PDF quanto por videoaula, o seu coach vai dizer a você como e quando fazer isso.

Percebeu a vantagem de um coaching para auditor fiscal do trabalho? O coach vai apresentar a você a técnica de estudo adequada ao seu objetivo. Já imaginou otimizar seu tempo e acelerar o seu processo de aprovação? Isso é possível com determinação e acompanhamento personalizado de um profissional.

Programa Coaching Método 4.2 de Revisão

Um bom programa coaching para área fiscal é aquele que organiza e otimiza o tempo do cochee. E o Método 4.2 de Revisão trabalha dessa forma.

O Método 4.2 de Revisão foi criado pelo coach Rafael Barbosa e é uma técnica de estudo que tem por missão organizar o estudo da teoria, da prática (treino em questões) e das revisões sistemáticas, da seguinte forma: as disciplinas são organizadas em dois grupos que se alternam em 4 dias dedicados ao estudo da teoria (mais questões de fixação) e 2 dias de revisão (feita de forma reversa: das questões para a “teoria”).

Abaixo segue o passo a passo do Método 4.2 de Revisão:

  • Trabalhe com ciclos de estudos de 7 dias, sendo 6 de estudos e 1 de descanso;
  • Divida os 6 dias de estudos em 4 dias para teoria e 2 para revisão;
  • Nos dias destinados à teoria, dedique no máximo 2 horas de estudo para cada disciplina;
  • Durante a leitura da teoria, faça apenas grifos e anotações (cuidado com resumos, se quiser mesmo fazer, faça resumos curtos);
  • Nos dois dias de revisão, faça questões sobre os assuntos estudados na semana e revise apenas o que errar;
  • Se for preciso, volte no curso regular ou videoaula para revisar o que você errou;
  • Procure fazer entre 300 e 500 questões por semana (dos assuntos que você estudou);
  • Controle seu progresso no conteúdo programático do concurso para o qual você está estudando;
  • Por fim, repita o procedimento até bater o edital!!!

Saiba tudo sobre o Método 4.2 de Revisão, baixe gratuitamente a planilha e comece a estudar agora mesmo!

Conheça o programa de coaching do Método 4.2 de Revisão

O programa de coaching tem como objetivo:

  • fazer com que você aprenda a estudar em alta performance;
  • oferecer orientação profissional plenamente capacitada e comprometida;
  • desenvolver todas as técnicas que envolvem o método 4.2 de revisão;
  • estimular o autodidatismo;
  • melhorar seu desenvolvimento nos estudos;
  • organizar sua rotina de estudos;
  • aumentar sua autoconfiança e disciplina;
  • a sua aprovação!

São muitos os benefícios que o coachee tem a ganhar, alguns deles são:

  • gestão do tempo de estudo;
  • aumento da produtividade nos estudos, medida por meio de indicadores objetivos;
  • maior absorção do conteúdo estudado, por meio do estudo sistemático, utilizando o método 4.2 de revisão;
  • melhoria no rendimento dos exercícios, tendo em vista o trabalho focado e objetivo, baseado o cargo/área escolhido pelo aluno;
  • mais segurança durante a jornada de estudos até a aprovação, por meio de orientações pontuais e específicas, sob demanda do estudante;
  • ciclos de estudos planejados de acordo com a sua rotina e concursos de interesse;
  • organização de revisões sistemáticas, garantindo a fixação do conhecimento, sem prejuízo ao avanço do conteúdo do edital;
  • avaliações de desempenho por assunto, permitindo o conhecimento dos pontos fracos/oportunidades de melhoria em cada disciplina, conforme a sua relevância;
  • planejamento e otimização do seu estudo em um alto nível, possibilitando alto rendimento em provas.

Se você tem interesse de ter um acompanhamento individual e personalizado, deixe seu nome da lista de espera.

Turbine a sua aprovação com o programa de Coaching do Método 4.2 de Revisão

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário