fbpx

Concurso TCE AL

Concurso TCE AL

Hoje vamos falar a respeito do concurso TCE AL.

Foi divulgada a portaria que institui a comissão do concurso TCE AL.

São previstas 30 vagas para o cargo de Agente de Controle Externo.

As oportunidades devem ser distribuídas entre as especialidades de administração, ciências contábeis, ciências da computação e informática, direito, engenharia civil e engenharia ambiental.

  • TCE AL – Tribunal de Contas de Alagoas
  • Status: Comissão formada
  • Banca: a definir
  • Vagas: 30 previstas
  • Salário inicial: R$ 7.000,00

É importante destacar que recentemente foram criados 30 cargos de Agente de Controle, após reorganização no quadro de pessoal do TCE AL.

Vamos ver abaixo a portaria que institui a comissão do próximo certame. O grupo de trabalho será responsável por coordenar e promover a realização da seleção para Agente de Controle Externo.

Segundo a Lei Nº 8.661/2022 foram criados 30 cargos efetivos de Agente de Controle Externo, para atuar exclusivamente na atividade fim.

4 vagas para Administração;

16 vagas para Ciências Contábeis;

1 vaga para Ciências da Computação e Informática;

6 vagas para Direito;

2 vagas para Engenharia Civil; e

1 vaga para Engenharia Ambiental.

Também foram criados 1 cargo de Agente Contabilista e 1 de Agente de Controle Interno, ambos, da Carreira de Agente Técnico e Administrativo, para atuar na atividade meio.

Foram extintos do Quadro de Pessoal do TCE/AL:

100 cargos efetivos da carreira de Auxiliar de Contas;

70 cargos efetivos da carreira de Técnico de Contas; e

2 cargos efetivos da carreira de Analista de Controle Interno.

Remuneração:

O vencimento básico para as carreiras de Agente de Controle Externo e Agente Técnico e Administrativo seguem a mesma estrutura remuneratória, com valor inicial de R$ 7 mil:

Quais são os requisitos:

Agente de Controle Interno: diploma de conclusão de curso superior com habilitação em qualquer uma das seguintes áreas: Administração, Ciências Contábeis ou Direito.

Agente de Controle Externo: diploma de conclusão de curso superior com habilitação nas áreas a seguir: Administração, Ciências Contábeis, Ciências da Computação e Informática, Direito, Engenharia Civil e Engenharia Ambiental.

Agente Contabilista: diploma de conclusão de curso superior com habilitação em Ciências Contábeis.

Como foi o último concurso:

O último concurso do Tribunal de Contas de Alagoas ocorreu em 2008, realizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC).

Foram ofertadas vagas para Analista de Sistemas, Bibliotecário, Programador, sendo uma vaga para cada área, além de outras 10 oportunidades para Auditor e Procurador.

Para o cargo de Auditor, a seleção foi composta por Prova Objetiva de conhecimentos Específicos, com 100 questões de múltipla escolha e Prova Dissertativa com 6 questões dissertativas.

Quais as disciplinas cobradas:

Direito Constitucional – 10 questões

Direito Administrativo – 10 questões

Controle Externo – 10 questões

Direito Financeiro – 10 questões

Direito Penal – 06 questões

Auditoria – 10 questões

Direito Civil – 10 questões

Direito Tributário – 10 questões

Contabilidade – 10 questões

Economia – 07 questões

Administração – 07 questões

Como foi a avaliação de títulos?

Os candidatos considerados habilitados na Prova de Conhecimentos Específicos tiveram que apresentar os títulos e os respectivos documentos comprobatórios, para fins de pontuação nessa fase de avaliação.

Abaixo veremos mais quatro oportunidades que estão surgindo na área fiscal esse ano:

CGE PB – COMISSÃO FORMADA

TCE GO – BANCA DEFINIDA – FCC

TCE TO – BANCA DEFINIDA – CEBRASPE

CGE SC – EDITAL AUTORIZADO – PROVAS EM 2022

Fiz um comparativo analisando 3 editais para vermos quais as disciplinas cobradas:

Agora, veremos qual o núcleo duro da área de controle:

Bom pessoal, essas seriam as informações que eu queria passar para vocês.

Bora estudar meus amigos (as).

Abraços,

Rafael Barbosa.

Conheça o Programa Coaching Método 4.2 de Revisão

Um bom programa coaching é aquele que organiza e otimiza o tempo do cochee. E o Método 4.2 de Revisão trabalha dessa forma.

Método 4.2 de Revisão foi criado pelo coach Rafael Barbosa e é uma técnica de estudo que tem por missão organizar o estudo da teoria, da prática (treino em questões) e das revisões sistemáticas, da seguinte forma: as disciplinas são organizadas em dois grupos que se alternam em 4 dias dedicados ao estudo da teoria (mais questões de fixação) e 2 dias de revisão (feita de forma reversa: das questões para a “teoria”).

Abaixo segue o passo a passo do Método 4.2 de Revisão:

  • Trabalhe com ciclos de estudos de 7 dias, sendo 6 de estudos e 1 de descanso;
  • Divida os 6 dias de estudos em 4 dias para teoria e 2 para revisão;
  • Nos dias destinados à teoria, dedique no máximo 2 horas de estudo para cada disciplina;
  • Durante a leitura da teoria, faça apenas grifos e anotações (cuidado com resumos, se quiser mesmo fazer, faça resumos curtos);
  • Nos dois dias de revisão, faça questões sobre os assuntos estudados na semana e revise apenas o que errar;
  • Se for preciso, volte no curso regular ou videoaula para revisar o que você errou;
  • Procure fazer entre 300 e 500 questões por semana (dos assuntos que você estudou);
  • Controle seu progresso no conteúdo programático do concurso para o qual você está estudando;
  • Por fim, repita o procedimento até bater o edital!!!

O programa de coaching tem como objetivo:

  • fazer com que você aprenda a estudar em alta performance;
  • oferecer orientação profissional plenamente capacitada e comprometida;
  • desenvolver todas as técnicas que envolvem o método 4.2 de revisão;
  • estimular o autodidatismo;
  • melhorar seu desenvolvimento nos estudos;
  • organizar sua rotina de estudos;
  • aumentar sua autoconfiança e disciplina;
  • a sua aprovação!

São muitos os benefícios que o coachee tem a ganhar, alguns deles são:

  • gestão do tempo de estudo;
  • aumento da produtividade nos estudos, medida por meio de indicadores objetivos;
  • maior absorção do conteúdo estudado, por meio do estudo sistemático, utilizando o método 4.2 de revisão;
  • melhoria no rendimento dos exercícios, tendo em vista o trabalho focado e objetivo, baseado o cargo/área escolhido pelo aluno;
  • mais segurança durante a jornada de estudos até a aprovação, por meio de orientações pontuais e específicas, sob demanda do estudante;
  • ciclos de estudos planejados de acordo com a sua rotina e concursos de interesse;
  • organização de revisões sistemáticas, garantindo a fixação do conhecimento, sem prejuízo ao avanço do conteúdo do edital;
  • avaliações de desempenho por assunto, permitindo o conhecimento dos pontos fracos/oportunidades de melhoria em cada disciplina, conforme a sua relevância;
  • planejamento e otimização do seu estudo em um alto nível, possibilitando alto rendimento em provas.

Baixe agora nossos materiais gratuitos e comece a estudar agora mesmo!

Se você tem interesse de ter um acompanhamento individual e personalizado, deixe seu nome da lista de espera.

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário