fbpx

5 concursos que pagam os salários mais altos

A vida de concurseiro não é algo fácil, é marcada por muita renúncia e dedicação. São horas, dias, meses, anos estudando para alcançar o sonho da estabilidade financeira.

Mas uma coisa é certa: vale a pena. São diversos cargos que ofertam salários que variam de cerca de 2 mil reais a mais de 30 mil reais por mês.

Estudar realmente faz a vida mudar. Por isso separamos para você 5 concursos que pagam os salários mais altos para você se motivar e meter bronca estudando!

1. Concurso para Prático

O concurso para Prático oferta um salário que varia de 50 mil a 300 mil reais por mês. O preenchimento de vaga de Prático em Zona de Praticagem (ZP) ocorre por meio de Processo Seletivo à Categoria de Praticante de Prático, regido pelas presentes normas, e detalhado por Edital específico a ser publicado no Diário Oficial da União (DOU) e na página da DPC na Internet.

É importante destacar que o Praticante de Prático e o Prático não são militares ou empregados públicos, assim como não exercem função pública. O Processo Seletivo, portanto, não se destina ao provimento de cargo ou emprego público.

Requisitos para concorrer ao cargo de Prático:

  • Ser brasileiro
  • Ter idade mínima de 18 anos
  • Possuir curso de graduação em qualquer área
  • Experiência no mar (pode ser habilitação de Mestre-Amador aquela exigida para conduzir embarcações de esporte e recreio no mar aberto).

O que é a profissão de Prático?

O Prático de Navios, também chamado de Prático de Porto ou, simplesmente, “Prático”, é o profissional que, depois de aprovado em um processo seletivo público e devidamente treinado, trabalha diretamente com as tripulações das embarcações durante o trânsito nas chamadas Zonas de Praticagem (ZPs), regiões próximas dos portos onde ocorrem as manobras de atracação e desatracação.

Práticos são, portanto, os “guias” ou detentores do conhecimento local, das regras, condições naturais e riscos específicos de cada região portuária. O Prático é convocado sempre que cargas e passageiros precisam transitar com segurança e de forma organizada nas chegadas e partidas.

2. Concurso Cartório

Os concursos cartórios são uns dos mais visados das carreiras jurídicas. Afinal, o salário é bem acima da média dos demais, podendo passar de 100 mil reais por mês!

A maioria dos concursos da carreira jurídica exigem prática jurídica, no entanto, os concursos cartórios não cobram esse requisito. Isto é, para concorrer você só precisa ser bacharel em Direito. Já imaginou passar em um certame desse assim que se formar na faculdade? Pois é, isso é possível!

Além disso, outra vantagem dos concursos cartórios é que os editais são publicados com frequência para titular de serviço notarial ou de registro.

Pelo alto salário esse concurso é bastante concorrido, por isso é importante que você se mantenha focado nos estudos.

Etapas do concurso cartório:

São 4 etapas que o certame possui, de acordo com a resolução 81/2009 do Conselho Nacional de Justiça:

  • Prova objetiva (eliminatória);
  • Prova escrita e prática (eliminatória e classificatória);
  • Prova oral (eliminatória e classificatória);
  • Avaliação de Títulos (classificatória).

3. Concurso Área Fiscal

Imagina você ganhando quase o teto do funcionalismo no início da carreira? Bom, né? Esse é o caso do concurso da SEFA PA, que está pagando um salário de 35 mil reais por mês inicial para Auditor, remuneração maior que de um juiz em início de carreira!

Para concorrer a um dos cargos, o candidato precisa ter escolaridade de nível superior. A jornada de trabalho é de apenas 30 horas semanais, maravilha hein!

A seleção ocorre em apenas uma etapa que consta em:

  • conhecimentos básicos;
  • conhecimentos gerais;
  • conhecimentos específicos.

Para o cargo de Auditor da SEFA PA as disciplinas cobradas são:

  • Português;    
  • Matemática Financeira e Estatística;
  • Atualidades;  
  • Administração Pública;        
  • Economia e Finanças Públicas;        
  • Direito Administrativo;
  • Direito Civil;
  • Direito Penal;
  • Direito Constitucional;         
  • Direito Tributário I;
  • Legislação Tributária do Estado do Pará I;
  • Contabilidade Geral;
  • Direito Tributário II;
  • Legislação Tributária do Estado do Pará;
  • Contabilidade Avançada e de Custos;         
  • Auditoria;
  • Tecnologia da informação.

A maioria dessas disciplinas se repetem nos concursos para outros fiscos Brasil a fora. O que faz dessa área uma das melhores escolhas para quem está pensando em ser servidor público.

4. Concurso para a Magistratura

Os concursos para Magistratura pagam entre 20 e 30 mil reais por mês iniciais. Imagina você vivendo com um salário desse! Maravilha!

Os requisitos para participar da seleção pública para Juiz são:

  • ser bacharel em Direito;
  • comprovar 3 anos de atividade jurídica depois de graduado;
  • atender aos requisitos de investigações relativas ao aspecto moral e social, bem como a exame de sanidade física e mental;
  • conquistar a aprovação em concurso público de provas e títulos.

Algumas das atribuições de um Magistrado:

  • preparar despachos,
  • sentenciar,
  • fazer audiências,
  • responder plenamente pela vara.

5. Concurso TCU/Área de Controle

O cargo de Auditor de Controle Externo exige nível superior de escolaridade em qualquer área de formação e paga salários que ultrapassam os R$ 21 mil iniciais, sem contar com os benefícios.

Sobre o TCU

De acordo com o portal da instituição, o Tribunal de Contas da União é o órgão de controle externo do governo federal e auxilia o Congresso Nacional na missão de acompanhar a execução orçamentária e financeira do país e contribuir com o aperfeiçoamento da Administração Pública em benefício da sociedade.

Para isso, tem como meta ser referência na promoção de uma Administração Pública efetiva, ética e ágil.

O Tribunal é responsável pela fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial dos órgãos e entidades públicas do país quanto à legalidade, legitimidade e economicidade.

O que faz um Auditor Fiscal de Controle Externo TCU?

É da competência do cargo:

  • desenvolver atividades de planejamento, de coordenação e de execução relativas à fiscalização e ao controle externo da arrecadação e aplicação de recursos da União, bem como da administração desses recursos, examinando a legalidade, a legitimidade, a economicidade, a eficiência e a efetividade em seus aspectos financeiro, orçamentário, contábil, patrimonial e operacional, dos atos daqueles jurisdicionados ao Tribunal de Contas da União.

E aí? Ficou empolgado com os altos salários?

Agora é sentar e estudar! Meta bronca nos estudos que a sua vida muda para melhor!

Conheça o Programa Coaching Método 4.2 de Revisão

Um bom programa coaching é aquele que organiza e otimiza o tempo do cochee. E o Método 4.2 de Revisão trabalha dessa forma.

Método 4.2 de Revisão foi criado pelo coach Rafael Barbosa e é uma técnica de estudo que tem por missão organizar o estudo da teoria, da prática (treino em questões) e das revisões sistemáticas, da seguinte forma: as disciplinas são organizadas em dois grupos que se alternam em 4 dias dedicados ao estudo da teoria (mais questões de fixação) e 2 dias de revisão (feita de forma reversa: das questões para a “teoria”).

Abaixo segue o passo a passo do Método 4.2 de Revisão:

  • Trabalhe com ciclos de estudos de 7 dias, sendo 6 de estudos e 1 de descanso;
  • Divida os 6 dias de estudos em 4 dias para teoria e 2 para revisão;
  • Nos dias destinados à teoria, dedique no máximo 2 horas de estudo para cada disciplina;
  • Durante a leitura da teoria, faça apenas grifos e anotações (cuidado com resumos, se quiser mesmo fazer, faça resumos curtos);
  • Nos dois dias de revisão, faça questões sobre os assuntos estudados na semana e revise apenas o que errar;
  • Se for preciso, volte no curso regular ou videoaula para revisar o que você errou;
  • Procure fazer entre 300 e 500 questões por semana (dos assuntos que você estudou);
  • Controle seu progresso no conteúdo programático do concurso para o qual você está estudando;
  • Por fim, repita o procedimento até bater o edital!!!

O programa de coaching tem como objetivo:

  • fazer com que você aprenda a estudar em alta performance;
  • oferecer orientação profissional plenamente capacitada e comprometida;
  • desenvolver todas as técnicas que envolvem o método 4.2 de revisão;
  • estimular o autodidatismo;
  • melhorar seu desenvolvimento nos estudos;
  • organizar sua rotina de estudos;
  • aumentar sua autoconfiança e disciplina;
  • a sua aprovação!

São muitos os benefícios que o coachee tem a ganhar, alguns deles são:

  • gestão do tempo de estudo;
  • aumento da produtividade nos estudos, medida por meio de indicadores objetivos;
  • maior absorção do conteúdo estudado, por meio do estudo sistemático, utilizando o método 4.2 de revisão;
  • melhoria no rendimento dos exercícios, tendo em vista o trabalho focado e objetivo, baseado o cargo/área escolhido pelo aluno;
  • mais segurança durante a jornada de estudos até a aprovação, por meio de orientações pontuais e específicas, sob demanda do estudante;
  • ciclos de estudos planejados de acordo com a sua rotina e concursos de interesse;
  • organização de revisões sistemáticas, garantindo a fixação do conhecimento, sem prejuízo ao avanço do conteúdo do edital;
  • avaliações de desempenho por assunto, permitindo o conhecimento dos pontos fracos/oportunidades de melhoria em cada disciplina, conforme a sua relevância;
  • planejamento e otimização do seu estudo em um alto nível, possibilitando alto rendimento em provas.

Baixe agora nossos materiais gratuitos e comece a estudar agora mesmo!

Se você tem interesse de ter um acompanhamento individual e personalizado, deixe seu nome da lista de espera.

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário