fbpx

Estudo reverso: como fazer

Imagem: pixabay

Fala, galera coisada! Tudo bem? Vamos conversar um pouquinho sobre o estudo reverso. Afinal, uma das melhores formas de fazer um estudo rápido e objetivo é por meio do estudo reverso.

Conhece esse método? Então continua aqui comigo para que eu possa te dizer como fazer o estudo reverso com eficiência. Simbora!

O estudo reverso é uma forma de estudarmos todo o conteúdo programático do edital por meio de questões. Isso vai permitir ao concurseiro avançar nos assuntos, além de facilitar a identificação sobre  o que precisa ser melhorado.

O estudo reverso é indicado quando o concurseiro está precisando fazer uma rápida passada pelo conteúdo.

Assim, o estudo reverso é indicado, por exemplo, no caso de um edital iminente ou um de pós-edital. No método 4.2 de Revisão, meu aluno estuda o edital de modo regular e depois reestuda pelo modo reverso. Dessa forma, ele fica preparadíssimo para ser aprovado nos certames.

Eu mesmo usei esse método várias vezes durante a minha caminhada de concurseiro. Foi com ele que fechei várias provas em muitas disciplinas e passei em diversos certames. Por conta do meu método, elaborado durante minha trajetória, é que hoje eu estou onde queria estar: sou Auditor Fiscal da Secretaria da Fazenda de Pernambuco.

Foi com ele que passei em mais de dez certames, cinco só para o cargo de auditor. Por isso estou dividindo com você essa fórmula mágica que descobri para estudar para concursos. Se funcionou comigo, também vai funcionar com você!

Então, vamos lá! Depois de ter batido todo o edital de forma regular, com quatro dias de teoria e dois dias de revisão, é a hora de reestudar todo o edital apenas por questões comentadas.

Por exemplo, você está na disciplina de português e o assunto é ortografia. Você faz dez questões de ortografia e, após concluir as questões, leia os comentários. Caso você sinta alguma dificuldade, volte à teoria. Perceba que o estudo reverso é da questão para a teoria, isto é, a partir das questões é que você vai estudar a matéria.

Quando encerrar com português, mude de disciplina, seguindo o mesmo processo até bater todo o edital. Se, ao término do estudo reverso, a data da prova ainda não tiver chegado, volte ao estudo regular e fique alternando entre a forma reversa e a forma regular.

A repetição é o caminho para a excelência.

Portanto revisar por questões é crucial para ficar ciente de como a banca cobra os assuntos na prova. Por isso é muito importante você ficar sempre alternando o modo de estudar, teoria e prática andam juntas.

Logo, praticar repetidamente o estudo em questões vai te deixar preparado na hora da prova. De tanto que você já praticou, chegará um momento que você não vai nem precisar ler todas as alternativas da questão. Você vai direto na alternativa certa de tanto que você já praticou aquela questão.

É isso, galera. Recado dado e, como diz o dito popular, a prática leva à perfeição. Por isso faça questões sem receio, pratique bastante, mas sempre alternando entre os dois métodos de estudo: o regular e o reverso.

Conheça o Método 4.2 de Revisão e baixe já uma das Planilhas Gratuitas que preparei pra vocês.

Gostou do texto? Siga-me também no Instagram e receba dicas e postagens diárias.

Abraços,

Rafael Barbosa.

Não desista. Geralmente é a última chave no chaveiro que abre a porta.
Paulo Coelho

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário