fbpx

Não falta tempo, falta prioridade

Fala, galera! Tudo bem? Nós vamos conversar hoje sobre prioridade. Essa palavra de cinco sílabas é crucial para poder profissionalizar os seus estudos. Vou te mostrar que não falta tempo, falta prioridade.

Estudar é uma tarefa árdua, tanto para quem trabalha quanto (ou até mais) para quem “só estuda”. Ainda hoje, grande parte dos alunos novos que me procuram se queixam da mesma coisa: “- Já faz mais de três anos que estudo e ainda não consegui passar em nenhum concurso.” E por que isso acontece?

O que você precisa entender é que não é só o tempo que você dedica aos estudos que é importante, mas também a forma de estudar. E para fazer isso do modo correto, é preciso praticar aquela palavra a qual falamos antes, aquela que contém cinco sílabas: prioridade.

Será que você está priorizando os estudos?

O primeiro passo a ser feito é encaixar o seu dia a dia aos estudos, e não o contrário. Estudar precisa ser a sua prioridade, nunca esqueça disso. Se você não priorizá-lo, vai ficar andando em círculos.

Uma dica para quem estuda e trabalha é colocar os estudos como a primeira atividade a ser feita após o trabalho.

Se você tem cinco horas para estudar depois do trabalho, faça o seguinte: ao chegar em casa, tire um cochilo de meia hora e estude as quatro horas e meia restantes.

Estudar exige foco e atenção, por isso não é interessante estudar essas cinco horas seguidas com sono e com o cérebro ainda agitado com todas as informações do dia. O cochilo vai fazer você “reiniciar o sistema”, logo você vai render mais nos estudos.

Outra dica para quem trabalha é acordar uma hora mais cedo e estudar nesse tempo antes de ir para a labuta. Quando você faz isso, a sua primeira atividade do dia já é estudar, então você já vai para o trabalho pensando em completar os estudos quando voltar.  

Para a galera que não trabalha e tem o dia livre para estudar a pressão é ainda maior, acredite.

O concurseiro tem a impressão que só porque está em casa tem que estudar dez horas por dia. Alerta de spoiler: isso não vai te ajudar.

Se você está em casa o dia todo é importante separar um tempo para fazer atividade física e resolver as suas coisas, como ir ao banco, fazer exames etc. Mas fique atento para não perder o foco, que é estudar.

Quem está em casa o dia todo não é para colocar os estudos na hora que der.

Se você está integralmente em casa, coloque os estudos no horário da manhã. Faça dele a sua prioridade. Estabeleça uma carga horária justa, separe seis horas para estudar, o resto do dia é para você fazer o que quiser, como atividade física, sair com os amigos, ajudar os seus pais em casa etc.

Nada de estudar 14 horas líquidas. O corpo não aguenta. Não se iluda. Você vai passar um ano estudando ou um pouco mais, imagine todo esse tempo estudando 14 horas! Sua mente vai saturar e seu corpo vai cansar.

Você precisa respeitar sua mente e seu corpo, mas sempre priorizando os estudos. Seja responsável e profissional.

Estudar para concurso não é para amadores.

É muito desgastante “só estudar”. Por isso é importante ter responsabilidade. Faça um acordo com você mesmo na hora de estudar. Você faltaria ao trabalho se estivesse resfriado, com o corpo mole? Não. Provavelmente o seu chefe pegaria no seu pé.

Tenha a mesma postura diante dos estudos. Profissionalize. Estude mesmo resfriado ou com o corpo mole. Assuma um compromisso com você mesmo, faça esse acordo entre você e você. Não falte aos estudos.

Assim você chegará mais rápido na aprovação.

Priorize os estudos, tenha responsabilidade e seja “profissional”. Dessa forma, você conseguirá o cargo tão almejado.

Conheça o Método 4.2 de Revisão e baixe já uma das Planilhas Gratuitas que preparei pra vocês.

Gostou do texto? Siga-me também no Instagram e receba dicas e postagens diárias.

Forte abraço,

Rafael Barbosa.

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário