fbpx

Como Treinar a Sua Memória (Técnicas de Memorização)

Fala, galerinha! Hoje vamos falar sobre como podemos treinar a sua memória (Técnicas de Memorização).

Afinal, uma memória eficiente é crucial para uma aprendizagem de sucesso. Na prova, não vale apenas o que sabemos, mas sim aquilo que lembramos.

Neste artigo, trago cinco dicas importantíssimas que vão te ajudar a reter mais facilmente o conteúdo visto. Fique atento a cada uma delas.

1. explique a si mesmo o que você acabou de aprender

Quando você consegue explicar para si mesmo o conteúdo, você acaba construindo um raciocínio que vai te ajudar a manter o assunto no seu cérebro.

Ah, professor! Como eu faço isso?

Muito simples. Vá até a um espelho aí na sua casa e explique o assunto para a imagem refletida nele, ou seja, você. Dessa forma, vai parecer que estarás ministrando uma aula para ‘outra pessoa”.

2. faça associações

Tente estudar fazendo associações, pois são Técnicas de Memorização muito eficazes. Pegue o assunto que você está aprendendo e associe a algo que remeta o seu dia a dia, que faça parte do seu mundo.

Essa associação vai permitir criar gatilhos mentais, fazendo o conteúdo ser acessado na sua memória na hora que você precisar dele. Um bom exemplo é a famosa regra do M.A.R.I.O. Lembra dela? Se não lembra, clique aqui https://www.instagram.com/p/CAx-zvBJeEy/ .

Além de ser um nome comum a todos, ainda lembra o jogo de videogame Super Mario world.

3. explique o conteúdo para um colega

Além de explicar o conteúdo para si, no espelho, ensinar para um colega também é indispensável para uma boa memorização do conteúdo.

Esse processo vai permitir que o seu colega possa te fazer perguntas para tirar dúvidas, e é aí, nas perguntas inesperadas, que você vai fixar ainda mais o conteúdo, pois elas vão fazer você sair do seu esquema de raciocínio e te permitir pensar sob outra ótica.

Dessa forma, você vai dar ainda mais consistência aos seus argumentos.

4. use e abuse dos mnemônicos

Sabe o que são mnemônicos? Eles são suportes na elaboração de um esquema para acionar a uma memória específica. É um tipo de associação, como expliquei linhas acima. Uma das mais poderosas Técnicas de Memorização. Eles podem ser símbolos, palavras, gráficos ou frases relacionadas com o assunto que se pretende memorizar. Os mnemônicos me ajudaram bastante nas minhas provas. Um que lembro até hoje é o “30 sem 3”, que é o número de ministros do  Tribunal Superior do Trabalho. São 27 ministros.  Funcionou tanto que se eu quisesse esquecer eu não conseguiria.

5. faça questões

Essa quinta dica é a que eu mais gosto de fazer. As questões são a base para uma boa preparação para concurso, pois mostra o que realmente é importante de um determinado assunto.  Também mostra como a banca cobra o conteúdo, preparando ainda mais você para a sua aprovação. O dito popular “A prática te leva a perfeição” tem fundamento. A prática vai facilitar ainda mais a fixação do conteúdo, além de te preparar para as provas

É isso por hoje. Lembre-se de sempre treinar a sua memória. Cuide bem dela, afinal ela é a sua parceira crucial dessa longa jornada.

Conheça o Método 4.2 de Revisão e baixe já uma das Planilhas Gratuitas que preparei pra vocês.

Gostou do texto? Siga-me também no Instagram e receba dicas e postagens diárias.

Abraços,

Rafael Barbosa.

Imagine uma nova história para sua vida e acredite nela.

Paulo Coelho

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário