fbpx

5 técnicas de memorização para otimizar seus estudos

Técnicas de memorização

Fala, galera! Trago hoje 5 técnicas de memorização para você detonar nos estudos. Sabemos o quanto uma boa memória é crucial quando se é concurseiro, pois tempo é estudo.

No meu programa de coaching, por exemplo, trabalhamos com técnicas específicas para melhorar a memória durante os estudos. Isso tem dado muito certo com meus alunos. Por isso decidi dividir um pouco dessas técnicas com você, jovem padawan.

Simbora!

Anote aí as 5 técnicas de memorização:

1. ensinar para alguém.

É estudando que a gente aprende, óbvio. Mas é explicando o que você aprendeu para alguém que você realmente retém o conteúdo.

Se você conseguir explanar todo o conhecimento que aprendeu para alguém (amigo, mãe, pai etc.), você vai perceber que já está dominando o assunto.

E quando você domina o assunto, ele vai para a sua memória de longo prazo, isto é, vai ficar retido lá para quando você precisar acessar novamente o conteúdo.

“Ah, Rafael, eu não tenho ninguém para explicar o que aprendi”. Não se desespere. Vá ao espelho e explique para você mesmo, como se estivesse dando aula. Se você titubear para si mesmo, pare e vá estudar tudo de novo, depois volte ao espelho e recomece.

Isso vai ajudar bastante na hora de reter o conteúdo. Pode confiar.

2. gravar e escutar o que você gravou.

Você pode usar a primeira dica aqui também. Quando for ao espelho ou conseguir explicar o conteúdo para alguém, faça isso gravando o áudio.

Depois é só escutar tudo o que você gravou, fazendo você aprender pela repetição. Essa é outra técnica que também funciona muito bem.

Isso vai fazer seu cérebro memorizar de maneira ainda mais eficaz pelo simples fato da repetição.

Em uma escola de idiomas, por exemplo, o método mais usado é o da repetição. Se o seu cérebro é capaz de aprender outra estrutura linguística (inglês, francês etc.) por meio da repetição, imagine um conteúdo de Direito Administrativo, por exemplo!

3. Ver filmes ou vídeos didáticos sobre os assuntos.

Claro que sem sempre é fácil encontrar um filme ou uma série que aborde o assunto que estamos estudando. Mas a depender do conteúdo, podemos encontrar algumas coisas.

Alguns temas da física, do direito, por exemplo, são mais fáceis de encontrar. Mas se não achar, não tem problema. Após ler todo o material em PDF, procure um vídeo didático sobre o mesmo tema e assista, como forma de uma complementação.

Pode ser um podcast, uma videoaula, alguma coisa que possa completar o que você estudou e facilitar ainda mais a memorização.

4. Ler mais de uma vez.

Leia, leia e leia. Só assim você aprende. É preciso estudar, não tem para aonde correr. Mais uma vez nos deparamos com a repetição no ato da aprendizagem. Ao finalizar um assunto (lendo. Lembre-se que vídeo é um complemento), leia novamente.

Estude e reestude o que você leu. Fazendo isso, seu cérebro vai novamente no princípio básico da aprendizagem que é a repetição.

Portanto, nada de preguiça. É sentar na cadeira e mandar a ver nos estudos!

5. Fazer associações.

Outra técnica maravilhosa de memorização é você fazer associações. Use os conceitos aprendidos no seu cotidiano.

Faça isso usando situações da sua vida, palavras comuns do seu dia a dia, alguma frase, música etc., as possibilidades são inúmeras.

Na época de escola, por exemplo, era bastante comum usar frases para decorar a tabela periódica. Eu mesmo até hoje lembro desta frase: Bela Margarida Casou-se com o Senhor Barão (Be; Mg; Ca; Sr; Ba; Ra – Berílio; Magnésio; Cálcio; Estrôncio; Bário; Rádio).

Sacou? Isso vai ajudar muito a sua memória!

Essas foram as 5 técnicas de memorização. Agora é sentar e estudar!

Abraços,

Rafael Barbosa.

Prepare-se com o time do Método 4.2!

Baixe nossas planilhas gratuitas e comece a estudar agora mesmo!

Se você tem interesse de ter um acompanhamento individual e personalizado, deixe seu nome na lista de espera e faça parte do programa coaching!

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário