fbpx

Como fica a Vida Social quando se estuda para concursos

Vida social

Quando decidimos mudar de vida e estudar para concursos, precisamos ter algo forte em mente. Um propósito.

Como a jornada é árdua, é melhor já começar sabendo que algumas coisas serão afetadas, como a vida social, por exemplo. Não tem jeito. Se você quiser mesmo acelerar o processo, aceite que a sua vida social será momentaneamente afetada.

Aquele happy hour depois do trabalho, aquele futebolzinho com os amigos, aquela saidinha com as amigas, as baladas, enfim, todo lazer tende a ser reduzido depois que você entra no mundo dos concursos.

Por mais que a gente tente, inevitavelmente, você irá acabar reduzindo a interação social. Isso porque você começa a focar mais nos estudos e deixa de lado a vida social.

Há um detalhe que você deve prestar bastante atenção. Automaticamente, no seu pouco tempo livre, você irá entrar na rota natural que leva as pessoas para as redes sociais e grupos de WhatsApp.

É automático mesmo, para a maioria das pessoas.

Enfim, mas vamos ao ponto onde eu quero chegar: é normal ter essa restrição social.

Por isso, você precisa ter em mente que estudar para concursos é algo que requer atenção, prioridade. O bom é saber que a vida de concurseiro é passageira e que a aprovação te trará enormes benefícios, como a estabilidade financeira.

Faço apenas uma ressalva para o fato de que é possível ter certa vida social, mas dificilmente como você tinha antes de estudar.

As pessoas que tentam manter o mesmo ritmo da interação social acabam virando concurseiros vitalícios, ou quase vitalícios. Levando em consideração que você sabe o significado da palavra vitalício, acredito que não seja esse o seu caso. Né?

Dessa forma, eu oriento você a organizar os seus estudos semanalmente, colocando mais intensidade nos dias de estudo (procurando não atrasar estudo), deixando sempre os dias de folga livres de verdade. Aí sim você terá o seu espaço.

Na minha época, eu não tinha muita vida social e também trabalhava, então, os finais de semanas e feriados eram utilizados para avançar nos estudos. Mas claro, que tudo depende da sua rotina e também do que você almeja.

Por ser liso, eu queria era passar em um concurso rapidamente, então não tinha tempo a perder. Essa intensidade me fez passar rápido. Claro que alguns colegas se distanciaram, mas faz parte da vida. Não se tem tudo, não é mesmo?

Como minhas metas começavam aos sábados, eu folgava na sexta-feira. Era meu dia off. Mas eu era rigoroso, sempre tinha meu tempo de descanso.

É preciso ter em mente que dedicar-se somente aos estudos não funciona de maneira positiva. Por isso, é importante você conciliar tudo.

Eu estou te alertando para o fato de que a vida social vai ser afetada e que não é legal querer manter o mesmo ritmo de interação social que antes, mas algum lazer você tem que ter. Isso é fato.

Quando fazemos uma imersão nos estudos por um longo tempo, é provável que comecem a aparecer alguns sintomas de desequilíbrio, como por exemplo, enxaquecas, dores na coluna, mau humor, ansiedade descontrolada…

Por isso, é importante que você tenha uma certa organização, com metas diárias, controles semanais e também o dia da sua folga semanal.

Com um ciclo de estudos bem definido, você consegue ter tempo para “tudo” na proporção correta, sem deixar de lado os estudos, que irá contribuir para o seu futuro.

Uma dica importante é que o estudante não “alopre” tanto nos momentos de lazer. Ele deve preferir uma programação mais tranquila, que não exija muito desgaste físico, como uma balada open bar, por exemplo, pois além de perder uma noite de estudo você ainda enfrenta ressaca e cansaço no dia seguinte. Por isso, oriento sempre preferir programas mais leves como restaurantes ou cinemas.

Acima de tudo, o concurseiro deve lembrar que fez uma escolha e deve investir nela, pois somente assim chegará ao objetivo.

Sempre será preciso sacrificar alguns momentos de lazer. Mas, como já mencionado, é necessário ter fé e acreditar que o sofrimento é temporário e que todo sacrifício traz uma recompensa.

Saiba que com organização, disciplina e força de vontade é possível conciliar um estudo eficiente com lazer necessário. Na medida certa.

Acesse o vídeo abaixo e entenda mais sobre a vida social do concurseiro.

Simbora estudar que ainda não estamos com a vida ganha.

Abraços,

Rafael Barbosa.

Prepare-se com o time do Método 4.2!

Baixe nossas planilhas gratuitas e comece a estudar agora mesmo!

Se você tem interesse de ter um acompanhamento individual e personalizado, deixe seu nome na lista de espera e faça parte do programa coaching!

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário