fbpx

Concurso PGDF Procurador define banca organizadora!

Concurso PGDF Procurador

A Procuradoria Geral do Distrito Federal (concurso PGDF Procurador) publicou documento oficial, definindo o CEBRASPE como a banca organizadora do certame, conforme documento abaixo:

O edital vai ofertar 65 vagas para o cargo de Procurador categoria I, com salário inicial para de R$22.589,59.

As gratificações de Representação – GREP, de Gratificação de Atividade Jurídica – GAJ, de Gratificação de Representação e atividade Extrajudicial – GRAE e Gratificação de Assistência Jurídica foram extintas e incorporadas ao salário de Procurador.

Concurso PGDF Procurador: requisitos e atribuições

Requisitos: Para ingressar na carreira de Procurador é necessário ser aprovado em concurso público, possuir diploma de curso superior em Direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil.

Atribuições:

  • representar o Distrito Federal judicial e extrajudicialmente;
  • representar a Fazenda Pública perante os Tribunais de Contas da União, do Distrito Federal e Juntas de Recursos Fiscais;
  • promover a defesa da administração pública, requerendo a qualquer órgão, entidade ou tribunal as medidas de interesse da justiça, da administração e do erário;
  • representar sobre questões de ordem jurídica sempre que o interesse público ou a aplicação do direito o reclamarem;
  • promover a uniformização da jurisprudência administrativa e a compilação da legislação do Distrito Federal;
  • prestar orientação jurídico-normativa para a administração pública direta, indireta e fundacional;
  • efetuar a cobrança judicial da dívida do Distrito Federal.

Último concurso PGDF Procurador

O certame ocorreu em 2013 e ofertou 25 vagas imediatas. O concurso foi constituído de 4 etapas:

  • prova objetiva;
  • prova discursiva;
  • prova oral;
  • avaliação de títulos.

O Cebraspe foi a banca organizadora.

Na prova objetiva foram exigidas as seguintes disciplinas:

Grupo I

  • Direito Constitucional;
  • Direito Tributário;
  • Direito Financeiro e Orçamentário.

Grupo II

  • Direito Administrativo;
  • Direito Urbanístico;
  • Direito Ambiental;
  • Direito Penal;
  • Direito Processual Penal.

Grupo III

  • Direito Processual Civil;
  • Direito Civil;
  • Direito Empresarial;
  • Direito do Trabalho;
  • Direito Processual do Trabalho.

A prova objetiva do concurso PGDF Procurador foi composta por 200 questões, de caráter eliminatório e classificatório, com valor 100 pontos.

Já a prova discursiva foi composta por 3 tipos:

  • Prova P2

Redação de dissertação, peça jurídica ou de parecer de até 120 linhas.

Conteúdo: Direito Constitucional; Direito Tributário; Direito Financeiro e Orçamentário

  • Prova P3

Redação de parecer de até 120 linhas e 3 (três) questões discursivas de até 30 linhas.

Conteúdo: Direito Administrativo; Direito Urbanístico; Direito Ambiental.

  • Prova P4

Redação de peça jurídica de até 120 linhas e 3 (três) questões discursivas de até 30 linhas.

Conteúdo: Direito Processual Civil; Direito Civil; Direito Empresarial; Direito do Trabalho; Direito Processual do Trabalho.

Na prova oral os conteúdos exigidos foram:

Grupo I:

Direito Constitucional;

Direito Tributário;

Direito Financeiro e Orçamentário.

Grupo II:

Direito Administrativo;

Direito Urbanístico;

Direito Ambiental.

Grupo III:

Direito Processual Civil;

Direito Civil;

Direito Empresarial.

Prepare-se com o time do Método 4.2! Conheça o programa coaching para Procuradorias!

O programa coaching para procuradorias do Método 4.2 de Revisão é ideal para você que sonha com o cargo de Procurador.

Ter um método de estudo é de crucial importância no seu processo de aprovação. E não pode ser qualquer técnica aleatória, o método precisa otimizar o seu tempo para que você possa ter um estudo de qualidade.

E é aí que entra o programa Coaching para procuradorias. Ele se faz necessáriopara auxiliaro concurseiro no processo de aprovação. Afinal, existe muito material na internet e, muitas vezes, o estudante não sabe por onde começar; se vai assistir à videoaula, se vai estudar por PDF etc.

coaching para procuradorias vai orientar você em como estudar e por onde estudar. A ideia é fazer o coachee estudar do modo certo e com qualidade. Por exemplo, você pode estudar tanto por PDF quanto por videoaula, o seu coach vai dizer a você como e quando fazer isso.

Um bom programa coaching para procuradorias é aquele que organiza e otimiza o tempo do cochee. E o Método 4.2 de Revisão trabalha dessa forma.

Método 4.2 de Revisão foi criado pelo coach Rafael Barbosa e é uma técnica de estudo que tem por missão organizar o estudo da teoria, da prática (treino em questões) e das revisões sistemáticas, da seguinte forma: as disciplinas são organizadas em dois grupos que se alternam em 4 dias dedicados ao estudo da teoria (mais questões de fixação) e 2 dias de revisão (feita de forma reversa: das questões para a “teoria”).

Abaixo segue o passo a passo do Método 4.2 de Revisão:

  • Trabalhe com ciclos de estudos de 7 dias, sendo 6 de estudos e 1 de descanso;
  • Divida os 6 dias de estudos em 4 dias para teoria e 2 para revisão;
  • Nos dias destinados à teoria, dedique no máximo 2 horas de estudo para cada disciplina;
  • Durante a leitura da teoria, faça apenas grifos e anotações (cuidado com resumos, se quiser mesmo fazer, faça resumos curtos);
  • Nos dois dias de revisão, faça questões sobre os assuntos estudados na semana e revise apenas o que errar;
  • Se for preciso, volte no curso regular ou videoaula para revisar o que você errou;
  • Procure fazer entre 300 e 500 questões por semana (dos assuntos que você estudou);
  • Controle seu progresso no conteúdo programático do concurso para o qual você está estudando;
  • Por fim, repita o procedimento até bater o edital!!!

Saiba tudo sobre o Método 4.2 de Revisãobaixe gratuitamente a planilha e comece a estudar agora mesmo!

Conheça o programa de coaching do Método 4.2 de Revisão

O programa de coaching tem como objetivo:

  • fazer com que você aprenda a estudar em alta performance;
  • oferecer orientação profissional plenamente capacitada e comprometida;
  • desenvolver todas as técnicas que envolvem o método 4.2 de revisão;
  • estimular o autodidatismo;
  • melhorar seu desenvolvimento nos estudos;
  • organizar sua rotina de estudos;
  • aumentar sua autoconfiança e disciplina;
  • a sua aprovação!

São muitos os benefícios que o coachee tem a ganhar, alguns deles são:

  • gestão do tempo de estudo;
  • aumento da produtividade nos estudos, medida por meio de indicadores objetivos;
  • maior absorção do conteúdo estudado, por meio do estudo sistemático, utilizando o método 4.2 de revisão;
  • melhoria no rendimento dos exercícios, tendo em vista o trabalho focado e objetivo, baseado o cargo/área escolhido pelo aluno;
  • mais segurança durante a jornada de estudos até a aprovação, por meio de orientações pontuais e específicas, sob demanda do estudante;
  • ciclos de estudos planejados de acordo com a sua rotina e concursos de interesse;
  • organização de revisões sistemáticas, garantindo a fixação do conhecimento, sem prejuízo ao avanço do conteúdo do edital;
  • avaliações de desempenho por assunto, permitindo o conhecimento dos pontos fracos/oportunidades de melhoria em cada disciplina, conforme a sua relevância;
  • planejamento e otimização do seu estudo em um alto nível, possibilitando alto rendimento em provas.

Se você tem interesse de ter um acompanhamento individual e personalizado, deixe seu nome da lista de espera e faça parte do programa coaching para procuradorias!

Turbine a sua aprovação com o programa de Coaching do Método 4.2 de Revisão

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário