fbpx

Estudo Incremental

Você já sentiu dificuldade na hora de decidir o caminho a seguir na sua preparação para concursos? 

Você não está sozinho

Muitas pessoas sofrem desse mal e os motivos geralmente são: a falta de edital na praça ou o excesso deles. Por isso, preste bastante atenção neste artigo.

É importante, antes de qualquer coisa, saber que a aprovação demanda certo tempo, já que estamos falando de algo complexo e querido por muitas pessoas, não sendo prudente estudar de forma aleatória, desordenada, ao sabor dos concursos que estão para abrir. 

Planeje suas ações

Seguindo esse caminho, a sua vida do concurseiro se resumirá a “apagar incêndios”, sempre na expectativa de resolver a vida no próximo certame.

Por isso, planeje as suas ações: 

  • defina uma área/cargo a atingir e 
  • estude de forma organizada. 

Essa é a proposta do Estudo Incremental, forma de organização da sua preparação em estágios, onde o estudante encara cada prova como o momento de se fortalecer em um “número x” de disciplinas, não necessariamente todas as do edital. 

Dessa forma, a cada concurso o aluno vai ficando forte em algumas disciplinas, até o dia em que ele já terá visto todas elas (as necessárias a aprovação).

Como diria Confúcio:

“transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha”

Confúcio

Mas por onde devo começar o Estudo Incremental?

Como iniciar o estudo incremental

Primeiramente, identifique o Núcleo Duro de disciplinas que você precisa estudar, aquelas que você encontra em todos os editais que têm o cargo que você quer. 

Feito isso, utilizando o Método 4.2 de Revisão, monte o seu ciclo e inicie seus estudos. Controle o seu progresso no conteúdo programático (saiba o que você já viu) e faça muitas questões da banca.

A conta a ser feita sobre “quando você estará pronto?” seguindo o Estudo Incremental é muito simples: se seu cargo alvo sempre exige 12 disciplinas e a cada edital você consegue ficar bem em 4 delas, a partir do 4º concurso prestado você já terá estudado, com qualidade, as 12 matérias. 

Foi assim que eu bati inúmeros editais e consegui um rol considerável de aprovações/nomeações.

Estudo incremental não é um método

O Estudo Incremental não é um método, é uma filosofia de vida (de concurseiro)! Adote esta filosofia e sinta a diferença…

Se você ainda não conhece o Método 4.2 de Revisão, clique aqui e entenda como ele levará você à aprovação.

Grande abraço e bons estudos!

Gostou deste artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest

Deixe seu comentário